MPAC realiza pesquisa de opinião nas principais regionais do Estado

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) quer ouvir a sociedade sobre a sua atuação e quais os problemas sociais devem ser tratados com prioridade pela instituição. A pesquisa tem como objetivo mensurar o grau de satisfação do cidadão e em que medida o MPAC é referência para a população acreana na defesa dos seus direitos.

O levantamento corresponde a uma etapa do processo de revisão do planejamento estratégico, conduzido pela Diretoria de Planejamento e Gestão Estratégica. Nessa primeira fase, entre os dias 17 e 23 de maio, serão ouvidos os cidadãos de Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Feijó e Brasileia, municípios sedes das regionais. Depois, a pesquisa será realizada em Rio Branco.

Além da entrevista pessoal, será disponibilizado um questionário virtual, podendo ser acessado no site do MPAC ou através desse link. O público-alvo são pessoas a partir de 18 anos.

A partir das respostas, a instituição quer saber, por exemplo, se a população conhece o Ministério Público e quais os temas que considera prioritários para a atuação do MP acreano nos próximos quatro anos.

“Com esse diagnóstico será possível aperfeiçoar a nossa atuação, a partir da construção de um planejamento feito em conjunto com o cidadão, que é o destinatário dos nossos serviços”, explica a procuradora-geral de Justiça, Kátia Rejane de Araújo Rodrigues.

Kelly Souza– Agência de Notícias do MPAC