MPAC investiga denúncias de agressão em presídio de Cruzeiro do Sul

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por intermédio do promotor de Justiça Vanderlei Cerqueira, titular da 3ª Promotoria de Justiça Criminal de Cruzeiro do Sul, realizou uma inspeção na unidade penitenciária Manoel Néri da Silva, em Cruzeiro do Sul, para apurar denúncias de possíveis agressões à integridade física de alguns internos.

A visita foi acompanhada pelo juiz de execução penal Marlon M. Machado, de um representante da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB/AC), e do diretor do presídio, Saulo Santos, além de representantes dos agentes penitenciários.

Na ocasião, 31 internos foram submetidos a exame de corpo de delito, sendo que, em 25 deles, foram identificadas lesões corporais. Os laudos devem ser encaminhados à delegacia de Polícia Civil para instauração de inquérito policial.

Também foi restabelecido o acesso da OAB à unidade, que havia sido interrompido como forma de protesto dos agentes penitenciários, após a morte e um colega.

Tiago Teles – Agência de Notícias do MPAC