MP na Comunidade planeja edições para 2019

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) já planeja para o ano de 2019 mais edições do projeto MP na Comunidade, iniciativa que leva a estrutura do órgão ministerial para aquelas localidades com maior vulnerabilidade social.

Desde o início do ano, o projeto já vem tratando com outras instituições parcerias no sentido de somar esforços, visando promover cidadania e aproximar o sistema de Justiça da população que mais precisa.

Uma dessas instituições é o Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC), que já realiza uma iniciativa semelhante — o Projeto Cidadão.

O MPAC vai se juntar ao projeto do Tribunal de Justiça e disponibilizar serviços como o Centro de Atendimento à Vítima (CAV), Núcleo de Apoio Atendimento Psicossocial em Dependência Química (Natera) e Ouvidoria-Geral.

A primeira edição do ano está marcada para acontecer no dia 17 de maio, no bairro Cidade Nova, decisão tomada em reunião que ocorreu nesta quinta-feira (11), no TJAC.

Segundo o coordenador do MP na Comunidade, procurador de Justiça João Marques Pires, o foco será atender vítimas de violência doméstica, pessoas em situação de dependência química, além de recebimento de denúncias em geral.

Jaidesson Peres – Agência de Notícias do MPAC