Membros do MPAC prestigiam homenagem a ministro Mauro Luiz Campbell do Superior Tribunal de Justiça

Em agenda no Acre para prestigiar o lançamento da obra “O direito e os direitos em tempos de crise” de autoria do Procurador de Justiça Sammy Barbosa Lopes, e para proferir a palestra “Breves considerações do anteprojeto de Reforma da Lei nº 8.429/1992: a possibilidade de acordo na ação de improbidade administrativa”, o ministro Mauro Luiz Campbell, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), foi homenageado nesta quinta-feira, 29, com a “Ordem da Estrela do Acre”, mais elevada honraria concedida pelo Governo do Estado do Acre.

 

A procuradora-geral de Justiça, Kátia Rejane de Araújo Rodrigues, e os procuradores de Justiça Sammy Barbosa Lopes, Gisele Mubarac, Celso Jerônimo de Souza e Patrícia Rego, prestigiaram o momento que reuniu representantes do governo e dos Poderes Constituídos do estado.

Ao receber a “Ordem da Estrela do Acre”, pelo governador Gladson Cameli, Campbell discursou agradecendo às honras rendidas pelo governo do Acre e destacou seu compromisso com o estado e toda a região amazônica.

“Estar aqui para receber essa honraria representa tamanho reconhecimento. É para encher o peito com tamanha nobreza e valorizar as qualidades desse povo hospitaleiro, amável e permanentemente humano”, agradeceu o ministro do STJ.

Em sua fala, o chanceler da Ordem da Estrela do Acre, o chefe da Casa Civil do governo do Acre, Ribamar Trindade, agradeceu ao procurador de Justiça, Sammy Barbosa por programar a vinda do ministro ao Acre, parabenizando-o, ainda, pelo lançamento de sua obra. Finalizou pedindo que “o ministro continue com os olhos voltados para os povos da Amazônia”.

O governador Gladson Cameli também destacou o simbolismo da honraria e o quão digno para o Estado do Acre o ministro é para recebê-la. “O Senhor é um brasileiro amazônido que representa todos os estados brasileiros, especialmente os da Região Norte”, disse o governador.

Na noite desta quinta, Campbell ministrará, a convite do MPAC, a palestra “Breves considerações do anteprojeto de Reforma da Lei nº 8.429/1992: a possibilidade de acordo na ação de improbidade administrativa”, ocasião em que prestigiará, também, o lançamento da obra “O direito e os direitos em tempos de crise” de autoria do Procurador de Justiça Sammy Barbosa Lopes. A programação ocorre a partir das 19 horas, no auditório da Unimeta, em Rio Branco.

Ana Paula Pojo – Agência de Notícias do MPAC

Fotos – Tiago Teles