MP na Comunidade: MPAC participa de ação da Defensoria Pública com foco nos idosos

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio do projeto ‘MP na Comunidade’, esteve presente nesta quarta-feira (03) como parceiro da 6ª Edição do projeto ‘Defensoria ao seu lado, cidadania mais perto de você’. Promovido pela Defensoria Pública do Estado do Acre (DPE/AC), o evento, cuja edição foi especialmente voltada aos idosos, foi realizado no Centro Cultural Lydia Hammes, no bairro Aeroporto Velho.

A ação foi realizada em alusão ao dia 1º de outubro, data em que é comemorado o Dia Internacional do Idoso. O MPAC levou ao projeto o atendimento do Centro de Atendimento à Vítima (CAV), com foco nas vítimas de violência doméstica, e do Núcleo de Atendimento Terapêutico Psicossocial em Dependência Química (Natera), para orientação e atendimento às pessoas em situação de dependência química, além de recebimento de denúncias em geral.

No evento, foram oferecidos também serviços de orientação jurídica, aferição da pressão e IMC, atendimento médico, orientações sobre saúde e alimentação, corte de cabelo, massoterapia, exercícios para prevenção de quedas em idosos, entre outros.

A defensora-geral da DPE/AC, Roberta de Paula Caminha Melo, falou sobre o significado da edição especial do evento. “O estatuto do idoso, no dia 1º de outubro, completou 15 anos. A Lei 10.741 impõe uma série de direitos e deveres que também estão assegurados na nossa Constituição Federal. Sabemos de todas as dificuldades que os idosos enfrentam e estamos aqui para potencializar o cuidado dessas pessoas”, destacou.

Ainda segundo ela, através da união de esforços, será possível conseguir potencializar o atendimento e levar cidadania a cada uma dessas pessoas.

A coordenadora operacional do ‘MP na Comunidade’, Josenira Oliveira, também destacou a importância da parceria entre MPAC e DPE/AC. “A procuradora-geral de Justiça, Kátia Rejane de Araújo, pediu para que eu viesse parabenizar a equipe da Defensoria Pública pela iniciativa de atendimento especializado aos idosos e, também, por ocupar esse espaço que tem um significado muito grande para a sociedade riobranquense. Estamos sempre dispostos a participar de eventos como esse e fortalecer essa parceria na defesa da cidadania”, disse.