Membros do MPAC prestigiam posse de Raquel Dodge como procuradora-geral da República

Nesta segunda-feira, 18, o procurador-geral de Justiça do Acre, Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto, a corregedora-geral do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), Kátia Rejane de Araújo, e o presidente da Associação do Ministério Público do Acre (Ampac), Francisco Maia Guedes, participaram, em Brasília (DF), da solenidade de posse de Raquel Dodge como chefe do Ministério Público da União (MPU) e presidente do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

A nova procuradora-geral da República, que ficará no cargo pelos próximos dois anos, se comprometeu a desempenhar com equilíbrio, firmeza, coragem e seriedade todas as funções atribuídas pela Constituição ao Ministério Público.

Primeira mulher a ocupar esse cargo, Raquel Dodge integra o Ministério Público Federal (MPF) há 30 anos. Em seus discurso, disse que pretende reforçar o combate à corrupção, a defesa de direitos humanos, constitucionais e do meio ambiente, valorizando todas as áreas de atuação do MP. Ela garantiu que dará igual ênfase à função criminal e de defesa dos direitos humanos.

“Recebo com humildade o precioso legado de serviço à pátria, forjado pelos procuradores-gerais da República que me antecederam, certa de que o Ministério Público deve promover Justiça, defender a democracia, zelar pelo bem comum  e pelo meio ambiente, assegurar a voz a quem não a tem e garantir que ninguém esteja acima da lei e que ninguém esteja abaixo da lei”, afirmou.

O presidente da República, Michel Temer, foi quem deu posse à nova PGR. Ela foi nomeada para o cargo em 13 de julho pelo presidente, após ser eleita pelos membros do Ministério Público para integrar a lista tríplice encaminhada ao Executivo.

“É uma honra participar desta solenidade tão importante para a República, na qual, a Dra Raquel Dodge, primeira mulher a assumir a PGR, defendeu, em seu discurso, a plenitude do estado democrático de direito, a independência e harmonia entre os poderes e as instituições, além do respeito às prerrogativas constitucionais do Ministério Público”, enfatizou o procurador-geral de Justiça do Acre.

Participaram da cerimônia o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, o presidente do Senado, Eunício Oliveira, e a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, entre outras autoridades.  Raquel Dodge assume o cargo após o encerramento do mandato de Rodrigo Janot, que exerceu a função desde setembro de 2013.

 

 

Veja a íntegra do discurso.

Veja as fotos da cerimônia de posse.

 

 

Kelly Souza- Agência de Notícias do MPAC

Com informações do Ministério Público Federal (MPF)

Foto: MPF